Quais as vantagens da composição de renda para financiamento de imóvel?

Reading time: less than 1 minute

Entenda como funciona e quais os benefícios da composição de renda para comprar um imóvel!

A composição de renda é um facilitador para quem quer tornar o sonho da casa própria realidade, pois aumenta a margem para a obtenção do financiamento imobiliário. A composição de renda consiste em somar os rendimentos de duas ou mais pessoas para conseguir comprar um imóvel de maior valor.

No entanto, como todo tipo de negociação, essa opção apresenta vantagens e desvantagens.

Conheça quais são elas:

FACILIDADE DE APROVAÇÃO – Os bancos exigem que apenas 30% da renda familiar seja comprometida com um financiamento imobiliário. Ao somar a renda de duas ou mais pessoas, é possível assumir parcelas mais caras. Assim, o valor total do financiamento pode ser maior, o que viabiliza a aquisição de imóveis que antes não seriam aprovados pelo banco.

USO DO FGTS – Também é possível compor renda somando o valor do FGTS de duas ou mais pessoas para usar como entrada ou para amortizar o saldo devedor, desde que respeitadas as regras estabelecidas.

MENOR IMPACTO FINANCEIRO – Como as prestações serão divididas entre você e as demais pessoas que compõem o contrato de financiamento, o custo mensal fica muito menor.

PRAZO DE FINANCIAMENTO – Ao aprovar a composição de renda, os bancos tomam como referência a idade do participante mais velho. Ou seja, quanto mais idade tiver o participante mais velho, menor será o prazo de financiamento e maior o valor das parcelas.

MINHA CASA MINHA VIDA – Os beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida também podem utilizar a composição de renda para o financiamento, mas apenas uma vez na vida. Se um dos componentes desistir do imóvel, ele não terá o direito de fazer outro financiamento pelo programa.

RISCO DE IMPREVISTOS – Casais se separam, amigos brigam, pais e filhos se desentendem. Um financiamento imobiliário pode durar até 30 anos e qualquer um desses problemas de relacionamento pode afetar a composição de renda. Por isso, é importante ter muita cautela ao escolher quem assinará o contrato.

Leia também no blog da Mantovani: como utilizar seu FGTS para comprar um imóvel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *